Tratamento contra o Crack

O tratamento contra o crack no Grupo Luz da Vida envolve uma grande diversidade de terapias, cada uma age sobre algum tipo de deficiência da vida do dependente químico, que são deficiências  biopsicossociais.

O uso da droga conhecida como “crack” transformou-se em uma epidemia nos últimos anos, invadindo todas as faixas da sociedade e dominando a vida e do futuro de crianças, jovens e adultos. A pedra de crack, é uma droga derivada da cocaína, porém muito mais viciante que qualquer outra substância, levando os usuários à rápida dependência e provocando diversas complicações físicas e mentais, trazendo degradação social e transformando totalmente a vida do usuário, que se degrada totalmente.

Produzido com a mistura de uma série de substâncias químicas de fácil acesso para os produtores, o crack, infelizmente, tem um baixo custo para o usuário, quando comparado à cocaína, tornando-se bastante popular entre os dependentes  químicos e conseguindo arrastar pessoas de todas as idades e de todas as camadas sociais para o seu consumo, inclusive pessoas de baixo poder aquisitivo, que encontraram na pedra de crack um meio fácil e prático de fazer uso de drogas.

Pessoas que torna-se dependentes do crack raramente conseguem se livrar do seu uso, muitos deles chegam-se ao ponto de se tornar também traficantes, quando não encontram meios para adquirir a droga.

Por ser um composto de diversas outras substâncias químicas e artificiais, perigosas para a saúde humana, o crack, com seu uso constante, prejudica a mucosa da boca e das narinas, criando sérios riscos à saúde do usuário.

O crack foi criado apenas para aumentar a oferta de drogas, em volume, no mercado, ampliando o seu uso para camadas sociais menos privilegiadas financeiramente, hoje, entretanto está atingindo todas as camadas sociais. E, também porque a pedra de crack é mais barata do que a cocaína, a proliferação do consumo é intensificada pela facilidade na dependência.

Com seu baixo preço e com a facilidade de provocar dependência, o crack, nos últimos anos, conseguiu se infiltrar em todas as classes da sociedade, sendo a droga mais usada tanto em ambientes mais pobres quanto nos mais abastados, tendo se tornado uma verdadeira epidemia, social e moralmente degradante, arrastando para a vida nas ruas pessoas até de maior poder aquisitivo, que perdem tudo o que possuem simplesmente pelo prazer de sentir os efeitos do crack.

Ao utilizar o cachimbo do crack, uma pessoa, mesmo que não tenha ainda experimentado a droga, sente instantaneamente os efeitos do crack, passando para uma outra realidade que o deixa eufórico e entusiasmado. Infelizmente, para o usuário, os efeitos do crack também terminam em poucos minutos, trazendo a depressão e a abstinência, o que exige que o usuário procure por mais e mais pedras, permanecendo muitas vezes por dias e noites somente usando o crack, sem se alimentar, sem dormir e sem cuidar de sua própria saúde e higiene pessoal.

Essa instantaneidade faz com que as pessoas se tornem dependentes do crack rapidamente, se deteriorando como pessoas humanas, independente do seu nível social, financeiro ou educacional, perdendo por completo o controle sobre suas vidas e atitudes, erradicando de seu pensamento a capacidade de avaliação do bem e do mal, do certo e do errado, do que seja moral ou imoral.

dependência de crack exige um tratamento muito sério, muito aprofundado, muito cuidadoso e personalizado para que o usuário possa retornar à sua vida normal, sem sequelas e sem intenção de retornar ao mundo das drogas. A clinica de recuperação é essencial nesse tratamento, já que o processo de abstinência é dos mais difíceis, muito mais do que outras drogasPara esse tratamento, é necessário buscar profissionais que tenham conhecimento e que saibam o tipo de tratamento que deve ser disponibilizado para cada caso.

Embora a recuperação seja mais difícil, não é um caso impossível. Para que seja possível uma recuperação mais rápida, no entanto, a família deve buscar ajuda o quanto antes possível, possibilitando trazer menos prejuízos ao usuário de crack, obtendo maiores chances de recuperá-lo. O vício em  crack, na maior parte dos casos, exige que o dependente seja submetido à internação por tempo integral, associando-se o uso de medicação para controlar o estado mental do paciente.

A abstinência do crack, exige a adesão do paciente e da família uma Clínica de Recuperação Especializada.

Nosso Escritório

Rua: Professor Wolfrang Wehinger, 268 – Vila Santa Cruz – São José do Rio Preto/SP

Compartilhar: Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someoneShare on Tumblr